logo da Quercus
Conferência de Bali - 2007
Conferência de Nairobi - 2006
Videos Clima no Sapo
Últimas notícias

.arquivo

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

Domingo, 7 de Dezembro de 2008

O impasse continua

Enquanto em poznan se avançam com novos estudo e relatórios, noutra cidade da polónia, em Gdansk, o presidente em exercicio da união europeia tentou avançar com o pacote de energia e clima da Europa.

 

Nicolas Sarkozy esteve reunido, com 9 estados membros, todos novos parceiros europeus e todos da Europa de leste e todos recusam o pacote de energia e clima que propôem uma redução de 20% das emissões de gases de efeito de estufa em 2020, em relação aos valores de 1990.

 

Mas o que divide os estados membros e deve marcar a próximo conselho europeu tem a ver com as quotas de créditos de carbono. A Alemanha quer que 10% destas quotas estejam ligadas ao produto interno bruto de cada estado, mas a Polónia quer 20%.

 

Agora Sarkoy tem que conciliar posições até quinta-feira. Para já vai falar com a chanceler alemã e depois com o primeiro-ministro inglês.

publicado por editor às 01:36
link do post | comentar | favorito
|

Um fundo sem fundos

O fundo de adpatação das alterações climáticas está a falhar. Este sábado, na polónia durante a reunião da cimeira do clima os responsáveis por esta iniciativa do protocolo de quioto disseram que os doadores estão a falhar com as contribuições.

 

Este fundo deveria ser sustentado por 2% do total dos projectos do MDL ( mecanismo de desenvolvimento limpo). O MDL é um esquema das nações unidas que permite aos países ricos investirem nos países em desenvolvimento em projecto de energia limpa em troca de licenças de emissão de dióxico de carbono.

 

O fundo de adptação deveria ter 700 milhões de euros daqui a quatro anos mas a este ritmo vai ser impossível obter esta verba.

tags:
publicado por editor às 01:29
link do post | comentar | favorito
|

Poucos projectos de construção eficiente

Este sábado em Poznan, o PNUA (Programa das Nações Unidas para o Ambiente) revelou um relatório onde faz um retrato negro da construção civil amiga do ambiente.

 

No mecanismo de desenvolvimento limpo estão actualmente presentes quatro mil projectos mas apenas dez são relativos à eficência energética dos edificios apesar do sector da construção ter um grande potencial de redução das emissões de gases de efeito de estufa.

 

Os estudos dizem que sem custos adicionais as casas novas podem reduzir em 30% a sua pegada ecológica.

tags:
publicado por editor às 01:24
link do post | comentar | favorito
|

.Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

.ligações externas

.subscrever feeds

blogs SAPO